Meu primeiro natal como mãe - de Fernanda Oliveira

Meu primeiro natal como mãe - de Fernanda Oliveira

Postado em:
Blog - Depoimentos
- 21/12/2020 15:24:43

Meu primeiro Natal como mãe

Por Fernanda Oliveira

Gosto do Natal, mas nunca fui apaixonada. Não ligava muito para a decoração, a árvore, o Papai Noel e toda a temática natalina. Em casa éramos poucos, família pequena que celebra a noite do dia 24 com uma ceia comedida e, antes da meia noite, já está na cama. Durante muitos anos essa foi a minha comemoração de Natal.
Assim que conheci meu marido, começamos a comemorar viajando. E durante muito tempo se tornou a minha celebração oficial: passar o Natal longe de São Paulo; eu, ele e a minha ideia de que não poderia ter Natal mais perfeito... ledo engano.

Em 2019, com a descoberta da gravidez, voltamos a passar o Natal em família. E devagar, aos poucos, comecei a querer dar uma chance à data, acreditar no seu encanto, já que pulsava uma barrigona de quase 6 meses ali e fazia sentindo que eu quisesse que ela acreditasse na magia do Natal. Lembro que foi um dos Natais mais especiais, só agradeci, agradeci muito pela oportunidade de viver essa data, grávida. Agradeci pelas escolhas da vida e até alguns tropeços, que sim, te fortalecem e te deixam, exatamente, onde você deve estar. Foi realmente lindo o Natal de 2019.

2020 chegou, e minha filha chegou no meio de uma pandemia. Sonhos, projetos planejamentos... tudo prorrogado. Ano de resiliência, sobrevivência, manter a mente forte. Acredito que não vá existir Natal mais significativo que este, em um ano tão conturbado e cheio de incertezas, este é o MEU Natal.

Sei que minha ceia será muitas vezes interrompida por uma bebê ávida por atenção, que talvez eu perca alguma conversa interessante porque precisarei me retirar se ela sentir sono. Sei que farei revezamento de colo com meu marido e que daqui por diante, não só neste, mas em todos os Natais, ela será nossa prioridade.

Mas, especialmente, neste Natal, eu quero agradecer pela vida dessa menina que ilumina diariamente os meus dias. Quero olhar nos olhinhos mais brilhantes que já vi e mostrar a beleza, a magia desta data. Quero fazê-la sentir o espírito do perdão, da benevolência, da comunhão. Mostrar que a esperança do renascimento sempre existirá.
Este Natal, com certeza, será uma prévia do que ainda está por vir e eu mal vejo a hora de montarmos uma árvore juntas, decorarmos a casa toda, escrevermos as cartinhas para o Papai Noel, ver a felicidade dela quando encontrar seu presente embaixo da árvore. E entender que mais valioso que o presente, é ter sua família reunida em todos os Natais acreditando na força do amor.

Esse é o meu Natal para você, Mafê. 

Aqui as suas boas recordações começam a ser costuradas.
 

Categorias

Fique informado!

+ Posts

Aula de Circo para crianças!!
Aula de Circo para crianças!!
Passeio de Veleiro no pôr do Sol.
Passeio de Veleiro no pôr do Sol.
A importância dos filmes infantis
A importância dos filmes infantis
O mercado de clubes de livros infantis nos Estados Unidos
O mercado de clubes de livros infantis nos Estados Unidos
Esporte é inclusão
Esporte é inclusão